Protocolo de Controle da Dor e Cansaço por meio de Exercícios na Fibromialgia: uma nova proposta

  • Fernando Schorr Grossl Unochapecó
  • Marcos Leal Brioschi
  • Renato Vilella
  • Clodoaldo Antônio de Sá

Resumo

Embora a ciência tenha avançado na terapia da fibromialgia, o cotidiano do tratamento clínico ainda é bastante desafiador. Diante disso, o objetivo desse estudo é apresentar um novo protocolo de exercícios fáceis de aplicar, baseado no controle da dor e cansaço durante as intervenções por meio da percepção subjetiva de uma paciente com fibromialgia.


Resultado: A nova proposta consistiu de exercícios físicos associados à percepção subjetiva de dor e cansaço para o controle da intensidade e volume dos exercícios. As avaliações ocorreram por meio da escala visual analógica para dor (EVA) e da escala de percepção subjetiva de esforço (BORG). As análises de dor e cansaço foram feitas antes, durante e logo após cada sessão. A intervenção teve duração de 24 semanas com frequência de duas vezes por semana. Após a avaliação inicial, a partir do diagnóstico, foi dado início ao protocolo de treinamento de força para todos os grupos musculares.


Conclusão: O uso das variáveis dor e cansaço para determinar a intensidade e volume durante o protocolo de exercícios, resultou na melhora do quadro doloroso ao final da intervenção. Resultado que se manteve após seis meses da alta clínica. Permitindo a retomada da prática regular de exercícios físicos.

Como Citar
GROSSL, Fernando Schorr et al. Protocolo de Controle da Dor e Cansaço por meio de Exercícios na Fibromialgia: uma nova proposta. Pan American Journal of Medical Thermology, [S.l.], v. 6, n. 1, p. 81-86, maio 2021. ISSN 2358-4696. Disponível em: <https://www.abraterm.com.br/revista/index.php/PAJMT/article/view/96>. Acesso em: 18 jun. 2021.
Seção
Relato de Caso

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es).